Um autêntico cristão e um verdadeiro pai


Papai, Hoje, 29 de março, festeja 59 anos de vida. Por isso, reforço o meu muito obrigado a Deus por ter tido a graça de crescer e viver sob o cuidado e as orientações desse homem, banhado de uma simplicidade e grandeza de coração sem limites. Um pai que educa, não com sermão, mas com o silêncio do seu testemunho. 

Seguindo o exemplo de seu pai, ele encontra na leitura constante da Bíblia as luzes e inspirações necessárias para guiar, no caminho certo, a nossa família. Cresci vendo papai e mamãe rezando o terço, todas as noites. E mais. Quando terminávamos o terço, ele continuava, silenciosamente, fazendo suas orações pessoais. No silêncio da noite, namorava com Deus, falava com Deus. De madrugada, antes de tirar o leite das vacas, ele ao lado de mamãe, reza o ofício de Nossa Senhora. Assim ele começa e conclui o dia, embevecido da graça de Deus. 



Eis porque conto com um pai exemplar, sereno, místico, de uma grandeza de fé e de um testemunho de vida 10 mil vezes maior do que o meu. Eis porque papai é, para mim, um modelo de ser humano e de cristão autêntico. 

E, pra concluir, papai, ultimamente, reserva boa parte do seu tempo para servir a comunidade. É animador do Terço dos homens no Venha Ver, cuida dos serviços práticos da Igreja, é ministro da eucaristia, visita todos os domingos dezenas de doentes e idosos na redondeza, alimentando-os com a eucaristia.


Por isso, nesta manhã, òh Pai do Céu, reforço a minha gratidão por nos ter dado nosso pai Abraão, um sinal vivo da Tua paternidade e do Teu amor, na minha vida e na vida dos meus irmãos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONVITE - Festa de Nossa Senhora de Fátima 2014

Por que um meio de comunicação quente é frio? McLuhan explica.

Comunidade x Sociedade