Postagens

Feira de Inovação Social Digital em Roma: uma Experiência

Imagem
Cupins comendo o miolo da principal viga de madeira que sustenta o telhado da varanda da minha casa. Um dia, sem esperar, o telhado desaba. Ou, uma experiência já vivida, a de cupins, silenciosamente, comendo o fundo do meu guarda-roupa. O resultado não precisa detalhar. Um belo dia, quando abro a porta do guarda-roupa, para vestir a camisa do meu time esportivo, muito bem guardada, embaixo de todas as outras, deparo-me com os “malditos” cupins que, além de terem já comido boa parte do fundo do guarda-roupa, comeram também parte da minha camisa preferida. 
Uso esses dois exemplos para introduzir os dois dias, 6 e 7 deste, que vivi na Digital Social Innovation (DSI) em Roma, como metáforas para falar dos milhares ou talvez milhões de “cupins” humanos (hackathons), inventando novos softwares, aplicativos, escondidos em garagens, quartos, fundos de empresas, moldando assim as instituições e, em muitos casos, mudando, disruptivamente, as formas de pensar, planejar e executar os recursos te…

WhatsApp e Sindicato na Greve: 7x1

Imagem
O porta-voz da greve dos caminhoneiros foi o #WhatsApp, não os sindicatos.
Assim como os políticos não representam mais o cidadão e cidadã, os sindicatos não representaram os caminhoneiros na articulação da recente greve. A metodologia dos sindicatos está obsoleta, precisa ser radicalmente desconstruída. Não se trata de melhorar, trata-se de mudar tudo, caso os sindicatos queiram continuar sendo úteis na era da autocomunicação digital. 
45% da mobilização da greve dos caminhoneiros foi articulada pelo WhatsApp e apenas 1% foi convocado por sindicatos e associações espalhados pelo Brasil, revelou a pesquisa coordenada pelo professor Fabrício Benevenuto da UFMG e Yasadora Córdoba da Universidade de Havard nos Estados Unidos, publicada pela BBC Brasil.
O acordo sujo que Temer buscou fazer com os sindicatos no quarto dia da greve foi barrado, não pelos sindicalistas, mas pela autonomia comunicativa dos caminhoneiros nas mídias digitais. "Se não tivesse o WhatsApp, eu creio que o governo…

Autocomunicação Digital em 360 graus

Imagem
Na escola, o professor conectado, o aluno também; na política, o gestor conectado, o cidadão também; na Igreja, o padre conectado, o fiel também; na fábrica, o patrão conectado, o empregado também; no hospital, o médico conectado, o paciente também; no carro ou no ônibus, o motorista conectado, o passageiro também; a patroa conectada, a empregada doméstica também; a elite do centro conectada, a periferia também; o gari, também; o carroceiro, também; a sobrinha de cinco aninhos, também; no topo do mundo, Trump conectado, o papa também.
A princípio ele pensou se se tratava apenas de uma viajada abstrata, coisa de quem fixa o olhar apenas em um fenômeno social e se esquece do mundo ao seu redor. Respirou fundo, voltou a olhar para um lado e para o outro, saiu por aí, voou para outros países e chegou a conclusão de que, certamente, nunca antes na história humana, as pessoas, sem tanta diferença de classe – pobre ou rica, pouco ou muito instruída, do campo ou da cidade – tiveram uma autono…